Vivian Whiteman

Última Moda

 

GIRL PANIC ou A VIDA É UM EDITORIAL DE MODA

É um vídeo de música? É um comercial da Louis Vuitton featuring Dolce & Gabbana e Swarovski, com Naomi Campbell, Helena Christensen e Cindy Crawford ?

É tudo isso.

"Girl Panic!", do Duran Duran, é também uma amostra (e não a mais complexa delas) de como a publicidade encontrou formas de se reiventar e de se disfarçar.

Vai dar pano para manga num post que vc lerá logo mais por aqui.

Enquanto isso, outros dois vídeos, precurssores da mistura moda + supermodels.

"Too Funky" e "Freedom 90", ambos de George Michael. Os dois tem as mesmas tops do novo vídeo (e tantas outras, como Linda Evangelista e Christy Turlington). Em Freedom, aliás, há a mesma ideia básica aplicada pelo Duran Duran: os modelos cantam no lugar de George (embora não haja a coisa das entrevistas etc).

Rodando e pensando, oê!

xxx

VW

 

 

Escrito por Vivian às 20h18

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

CHAVES PARA O CÉU

Riccardo Tisci, estilista da Givenchy, apareceu no festival Planeta Terra, acompanhado de sua amiga e musa Lea T.

O designer estava usando o acessório acima, uma espécie de porta-chaves de luxo. A peça chega às lojas que vendem a linha masculina da grife em 2012, mas o estilista já está divulgando a novidade por aí. Deve custar cerca de 100 euros e se encaixa na ideia de "luxo acessível" que anda circulando por aí. 

Recentemente, fiz uma matéria para a Ilustrada sobre um livro muito interessante chamado "Joias de Crioula" (Editora Terceiro Nome), que fala dos ornamentos usados pelas escravas nas cidades brasileiras, sobretudo no período do Império (para quem não leu, tá aqui http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq2910201115.htm). As peças misturavam estilos e tinham um viés religioso bastante marcante.

Um dos elementos incorporados pelas escravas nas peças eram as chaves. A pesquisadora Laura Cunha, uma das autoras do livro, afirma que a chave como acessório vem provavelmente do hábito das mulheres de carregar as chaves de seus oratórios.

Nas igrejas barrocas, as chaves dos sacrários também eram obras de arte, muito ricas e rebuscadas.

Chave de sacrário, Museu de Arte Sacra de Salvador, reprodução do livro

Na versão da Givenchy a chave vem numa espécie de aliança e é presa por uma tipo de cruz "disfarçada".

E aí, alcançou? Então cata.

Fique de olho, porque as referências religiosas estão com tudo, nos lugares onde você menos espera.

E qual será o santo de devoção de Riccardo? Fica a pergunta.  ;)

xxx VW

Escrito por Vivian às 18h52

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Vivian Whiteman Vivian Whiteman é editora de Moda da Folha e também edita os especiais de moda da revista Serafina.

BUSCA NO BLOG


RSS

ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha Online. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha Online.